espaço de mau feitio, alguma reflexão, música e outras panóplias coloridas

28
Nov 11

E está para breve.
Nunca gostei particularmente de fazer anos, esta obrigação de comemorar o dia em que a minha mãe me pariu sempre me fez um pouco de urticária. Entendo, sim, que celebremos o facto de estarmos vivos e de termos quem nos ama, mas circunscrever essa celebração a um dia irrita-me. Este ano, sobretudo este ano, com esta nuvem negativa a pairar pelo país, com amigos e amigas no desemprego, com a frieza dos dias e a indiferença que assoma, não me apetece.
Por mim, apressava já umas mudanças que tenho na mira, mas ainda não pode ser, e portanto, é assim que passarei o dia dos anos: a esperar, e a ver se passa depressa.

(31? Ainda ontem tinha 23, saía da faculdade, cheia de tudo, e agora faço 31?)

publicado por Vita C às 09:48
Etiquetas:

6 comentários:
Como te compreendo...
Gonçalo Cardoso Dias a 28 de Novembro de 2011 às 09:57

Estou a mentalizar-me, estou a mentalizar-me... mas não está fácil.
Vita C a 29 de Novembro de 2011 às 09:10

Não é suposto ser fácil, no fundo estás a lidar com uma serie de questões, entre as quais um confronto com a mortalidade. Contudo não deixa de ser algo perfeitamente natural e automático.

olá. entendo o que dizes. eu também não gosto de cerebrar o aniversário, mas a minha mãe insiste em fazer um jantar de aniversário, sobretudo quando temos a família por perto. beijos e Parabéns ( deduzo que estejas perto de fazer anos ) . abraço e um bom feriado.
nuno a 1 de Dezembro de 2011 às 16:47

Junto-me ao coro.

João a 2 de Dezembro de 2011 às 18:52

Obrigada, já passou, e pronto, foi a última vez que fiz anos a um feriado :)
Vita C a 3 de Dezembro de 2011 às 13:19

Novembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
16
18
19

20
21
22
24
26

27
29
30


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Visitantes
Por aqui
online
blogs SAPO