espaço de mau feitio, alguma reflexão, música e outras panóplias coloridas

20
Abr 16

Os bebés de Auschwitz, assim se traduziu o livro de Wendy Holden que ando a ler, no original inglês. E é assim um testemunho impressionante, entre o pesado, macabro e o resiliente e esperançoso. A premissa é simples, três mulheres deportadas para guettos e campos nazis. Em comum, o facto de estarem grávidas e terem de ocultar essa condição, sob pena de deixarem de ser úteis (e, portanto, passarem a engrossar o número dos gaseamentos). Separadas das famílias e de qualquer resto de dignidade, mas sem perderem a sua humanidade final.

Portanto, como se depreende, além de filmes mais densos e psicologicamente marcantes, esta que vos escreve também se enreda em livros com temas profundamente pesados. 

Fica a sugestão.

 

Ver imagem original

 

 

 

publicado por Vita C às 10:04
Etiquetas:

2 comentários:
Bem interessante! Beijinhos minha linda!
soumaiseu a 22 de Abril de 2016 às 14:30

Para ler com calma e com o peito cheio de ar.

Ana Baptista
Vita C a 25 de Abril de 2016 às 09:42

Abril 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
18
19
21
22
23

24
26
27
29
30


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Visitantes
Por aqui
online
blogs SAPO