espaço de mau feitio, alguma reflexão, música e outras panóplias coloridas

09
Nov 16

Resultado de imagem para trump president ironic

publicado por Vita C às 10:23
Etiquetas:

28
Jun 16

Tenho família a viver em Londres. É assim que prefiro iniciar as conversas sobre o referendo no Reino Unido.

Um referendo é um instrumento democrático respeitável (vejam-se os suíços, que referendam quase tudo) e que deve ser compreendido como tal. Goste-se, ou nem tanto assim, o resultado de um referendo é (ou deve ser) a tradução da vontade expressa de um povo. Do povo (que se deu ao trabalho de ir votar). Isso implica que o povo tenha sido informado, de forma clara e inequívoca, dos efeitos de cada uma das respostas possíveis. Tem de ser assim, o promotor do referendo tem acesso a informação pertinente e necessária para que cada eleitor possa decidir de forma consciente o sentido do seu voto.

E, lamentavelmente, não foi bem isso que aconteceu. Quem votou leave quis votar contra o aumento da imigração. Quem votou leave quis votar num maior controlo de fronteiras. Não quis votar na saída da UE. Mas foi exactamente nisso que votou. Quem votou stay terá votado numa melhoria da economia, num estreitamento das relações comerciais e económicas. O que não seria necessariamente garantido pela permanência na UE.

Portanto, votaram consoante os seus propósitos e interesses, o que é válido, concorde-se ou não. Acredito que o voto que escolheriam poderia ser diferente caso tivessem acesso a elementos suficientes para se obter uma direcção de voto. Tal como em Portugal, a informação até estaria disponível, mas nem sempre de forma clara e transparente, como se desejaria. 

Quanto a esta ideia de se repetir o referendo, faz-me sempre lembrar a repetição do referendo sobre a despenalização do aborto, que para mim foi apenas a insistência até se obter o resultado desejado. Escolher é, também, aceitar as consequências da escolha. Por menos bem informada que tenha sido. 

 

 

(e pronto, com isto, demonstraram os britânicos tanta veemência na saída que até preferiram ver a Inglaterra ser eliminada do Euro 2016 de forma muito fria...)

publicado por Vita C às 11:21

11
Mai 16

Sou totalmente a favor da liberdade de escolha. Parece-me importante comecar esta conversa por aqui. Mais, fui aluna de dois colégios, e depois de uma escola secundária e de uma faculdade públicas. Por isso, arrogo-me o direito de opiniao. É uma opiniao curta. 

Sou totalmente a favor da liberdade de escolha entre ensino público e privado. 

Sou totalmente a favor do investimento do Estado na educacao. Pública. 

Sou totalmente a favor do pagamento privado no ensino privado. 

A questao nao é a escolha. Os contratos de associacao manter-se-ao quando nao existir oferta na rede publica de educacao. Quando tal oferta publica houver, preferem de facto que o Estado invista no privado em detrimento da sua obrigacao de investir na educacao pública?

O grande mal, senhores, é quando a educacao deixa de ser responsabilidade (sim, do Estado) para ser um negócio (dos colégios). 

 

publicado por Vita C às 16:07
Etiquetas:

26
Jan 16

No seguimento desta experiencia, quando me contactaram para fazer parte da mesa de voto, a minha resposta foi inequívoca. Nao. E para mim, nao é nao. Ate porque nem iria (nem fui) votar no candidato apoiado pelo partido que me contactou (e ao qual nem sequer pago quotas há tempo suficiente para ser considerada desertora). 

Parece que houve um (conveniente) lapso qualquer e acabei por receber a convocatória e o alvará que me nomearam para a mesa de voto. Embora tenha feito chegar a minha recusa de forma atempada e, depois, a minha insatisfação com o sucedido, obviamente que me apresentei pelas 7h00 de dia 24 na mesa de voto. Independentemente de ter entretanto mudado de casa e ter sido destacada, mesmo assim, para a minha antiga freguesia. Dever cívico é dever cívico. 

Felizmente, os locais de voto eram os anteriores aos da desgraça de Outubro e (quase) tudo correu de feição. Desempenhei outro papel, tive excelentes companheiros de mesa e foi reconfortante ver o trabalho em equipa a funcionar. Nem tudo correu bem, mas tudo se resolveu.

 

Sobre os resultados, Marcelo Rebelo de Sousa tem o mérito de estar a preparar esta candidatura há largos anos, à frente de quase toda a gente. Parece-me espúrio negar esta verdade, creio apenas que Marcelo foi pontuando os momentos de apresentação da sua candidatura com as novidades que lhe chegavam relativamente a potenciais opositores do mesmo quadrante político. Eu não votei no candidato que já se sabia que iria ser o vencedor. Embora sem o meu voto, Marcelo tem agora a minha confiança e esperança. Em boa verdade, fazer pior do que Cavaco Silva será muito, muito difícil. 

publicado por Vita C às 10:26

22
Jan 16

Eu não voto ... 

 

... em alguém que confunde direitos com privilégios.

publicado por Vita C às 09:22

20
Jan 16

Eu não voto ... 

 

... em alguém cuja notoriedade televisiva ganha contornos excessivos...

publicado por Vita C às 16:11

19
Jan 16

Eu não voto ... 

... em alguém que é não tem sensibilidade para a (desproporcional) cultura futebolística deste país (e cujo partido é incapaz de ler um "não" como resposta*).

 

* mais sobre isto depois de irmos a votos

 
publicado por Vita C às 10:25

18
Jan 16

Eu não voto ... 

... em alguém que é incapaz de reconhecer uma ditadura.

publicado por Vita C às 09:27

14
Jan 16

Eu não voto ... 

... em alguém cuja voz me faz lembrar o Bruno de Carvalho.

 

 

 


(espero que até dia 24 seja possível perceber de forma subtil em quem irei votar)

publicado por Vita C às 11:52

11
Nov 15

Legitimidade e moralidade sao duas coisas bem distintas. Aliás, podemos sempre recordar Miguel Relvas a propósito desta relevantíssima distinção.

Nao gosto de Costa. Entenda-se, nao suporto PPC nem Portas, mas sei que nao gosto de Costa. Costa irritou-me a partir do momento em que tirou o tapete ao Tozé Seguro, assim sem mais nem menos, sem qualquer pudor ou prurido.

Portanto, legitimamente, Costa vai agora para o poleiro. Nao irá sozinho, sabemo-lo bem, mas vai. E eu nao gosto disso. Mas gosto mais disso, sabendo-o minimamente supervisionado, do que gosto de ter lá PPC e Portas.

Por isso, mais do que estar feliz ou inquieta, estou expectante... 

publicado por Vita C às 13:11
Etiquetas:

Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

34 seguidores

pesquisar neste blog
 
Visitantes
Por aqui
online
blogs SAPO