espaço de mau feitio, alguma reflexão, música e outras panóplias coloridas

01
Dez 09

Adoro fazer anos a um feriado. Sobretudo este. O da Restauração da Independência, que me dá direito a uma estátua, a muitas ruas com o meu dia de anos,  e a uma aversão a espanhóis e versões de unificação ibérica.
Todos os anos, às 10h15 o meu pai me liga e a minha mãe recomeça a lengalenga. Que nasci sem ajuda e sem dar grandes dores à minha mãe ou grandes chatices ao meu pai. Que me puseram numa incubadora porque era bem pequenina. Que não tinha cabelo, nem sobrancelhas, e portanto só mais tarde se aperceberam que seria ruiva.
Fazer anos a um feriado implica nunca ter tido aulas neste dia, e só nos últimos anos trabalhei aos feriados. É sempre dia de acordar tarde, de recordar que todos fomos pequenos, e enfim, ter a casa e o coração cheios com tudo o que nos cabe cá dentro...
Gosto de ver as luzes de Natal neste dia, porque até dia 1, é apenas contagem decrescente para os meus anos.

publicado por Vita C às 18:57

Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

14
15
19

23
24
25
26

30
31


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

32 seguidores

pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO