espaço de mau feitio, alguma reflexão, música e outras panóplias coloridas

14
Jul 10

Escreveu o "Amor nos Tempos de Cólera"... o Gabriel Garcia Márquez escreveu "Amor em Tempos de Guerra".

Tudo isto no Quem Quer Ser Milionário.

 

Vou só ali dizer à Gabriela Canavilhas que não pode cortar na Cultura, de forma alguma.

 

 

Desculpai-os Gabo, que não sabem o que dizem, nem o que tu escreves...

publicado por Vita C às 21:42
Etiquetas:

Estou a tentar arranjar a bootleg*. Desesperadamente...

Não foi o melhor concerto. Foi o público.

 

Nada mais a acrescentar...

 

*Até para ver se consigo ouvir-me na Given To Fly.

publicado por Vita C às 20:15

10
Jul 10

Segundo dia mais fraquinho que o anterior no geral.

 

Jet: foi aquela banda simpática, fresquinha, mas que serviu para o pessoal se sentar um pouco depois de explorar o recinto. Nem mais nem menos.

 

Mão Morta: impressiona-me a postura do Adolfo Luxúria Canibal, com aquela pose de quem se está pouco importando para tudo. Um concerto que peca por ter ocorrido à luz do dia. Mereciam mais. Cão da Morte a brindar algumas, não muitas, pessoas verdadeiramente interessadas em ouvir.

 

Gossip: tanto alarido para quê? Vi um pouco, aproveitam bem os singles, mas não me convenceram mais que isso.

 

Manic Street Preachers: em concorrência directa com os Gossip no tempo de antena. Algo revivalistas, mas soube muito bem.

 

Skunk Anansie: começo por dizer que tinha uma daquelas embirrações estúpidas com esta banda. Excesso de audição dum single de há uns anos. E dou a mão à palmatória, a Skin pura e simplesmente é uma frontwoman de topo. Arrepios q.b., pulos q.b., uma voz irrepreensível. O senhor do baixo e o senhor da bateria também merecem destaque. Um dos melhores momentos da noite, sem dúvida. Deftones teriam de se esforçar para superar a ímagem poderosa que os Skuns Anansie deixaram no público.

 

Deftones: nunca os tinha visto ao vivo, lacuna colmatada ontem. Faltou o Maynard na Passenger, mas foi uma hora e meia de adrenalina como há muito não via. Entre fugir do moshpit e conseguir pular acima do meu 1,58 m, foi bom. Tenho de digerir melhor...

 

Antecipação para hoje: escrevo agora porque vou sair daqui a uma hora. O recinto é a 200 metros da minha casa (sim, sou uma mete-nojo) e estou convicta que consigo espetar-me lá à frente até à chegada de Pearl Jam. Será também a terceira vez que verei Gogol Bordello e espero não me cansar demasiado para conseguir chegar ao fim da noite. Tudo o resto é paisagem.

publicado por Vita C às 13:45

09
Jul 10

Então resumindo...

Entrada caótica para quem tinha passes de 3 dias. Caótica e vergonhosa, demonstrando incapacidade impressionante de gestão logística. Passei o concerto de Moonspell numa fila imensa.

 

Alice in Chains: entre o indescritível e o inesquecível existe o quê? Absolutamente fenomenal.

 

Kasabian: a confirmação. Sempre gostei deles e, apesar de não entender como podem tocar após AIC, devo reconhecer que foi bastante bom. Como já esperava.

 

Faith No More: cumpriram. Talvez porque às 00h45 a malta começa a ficar cansada, não foi o culminar esperado. Houve momentos bons, muitos bons, mas nem sempre convenceram. Mas repito, a culpa foi dos AIC e dos Kasabian, que para mim foram o melhor deste dia.

 

Hoje lá estaremos...

publicado por Vita C às 13:25

07
Jul 10

 

Hoje foi um dia estranho no trabalho.

 

Como amanhã entro de férias optimusaliváticas até 3ª feira, foi o último dia em que estive com uma das pessoas da equipa, que se vai embora por razões pessoais. Sendo uma pessoa de trato difícil, não deixa de ter um rol de qualidades impressionantes. Teve ainda o condão de me pôr em estado semi-lacrimejante quando entra no meu gabinete de embrulho na mão, a prenda de despedida. Eu não sou uma pessoa lamechas, muito menos no trabalho. Sou exigente quando tenho de o ser, mesmo que isso implique de vez em quando ser apelidada de chata e rezingona. Mas custa-me sempre dizer adeus, já quando saí do antigo emprego foi a mesma coisa. Show must go on.

 

Por outro lado, hoje foi dia de entrevistas. Parece que sou já suficientemente importante para conduzir entrevistas, conjuntamente com o meu chefe e um dos gerentes. É uma forma estranha e pouco ortodoxa de regressar à psicologia, quanto mais não fosse por questão de aguçar empatia e canal sombra. Ainda assim, conseguimos escolher uma pessoa.

Acho que a escolha esteve bastante relacionada com a nossa faceta humana. Optámos por uma mulher de 33 anos, com um curso superior e outro técnico-profissional. Bastante desempoeirada e com vontade de trabalhar. E certa de que não a iríamos chamar por já ser muito velha. Muito velha?!? Aos 33 anos?? Depois de andar de contrato não renovado em contrato não renovado? Quando lhe telefonei esta tarde a anunciar que tinha sido a escolhida, quase que desatou a chorar ao telefone e agradeceu. Repeti-lhe que somos uma equipa exigente. Por vezes muito stressados e stressantes. Que nos tinha parecido que para ela aquele não seria um emprego para passar o tempo até aparecer uma coisa melhor. Que gostaria de agarrar a oportunidade. Etc. e tal.
Apeteceu-me dizer que era uma vergonha uma pessoa licenciada estar atirada ao deus-dará, como eu já estive. Ter de abandonar a sua vocação e paixão para abraçar o desconhecido, mas dizer-lhe também que por vezes, a mudança compensa. É só saber dar o passo em frente!

 

Até ao SuperBock, N. Até já C.!

publicado por Vita C às 22:14

 

 

Segundo Thoreau, a felicidade é como uma borboleta: quanto mais andamos atrás dela, mais ela nos escapa, mas se nos abstrairmos e deixarmos de ser obstinados, ela virá pousar suavemente no nosso ombro.

Não sou uma figura utópica, mas concordo em grande parte com esta ideia. Requer uma grande sensatez deixarmo-nos ir sem ansiedade e sem facilitismos e requer uma força de vontade imensa sabermos travar essa mesma onda de go with the flow. A virtude não está sempre no meio, está em sabermos que cada aspecto é relevante, dependendo do prisma de onde olhamos para ele. Às vezes. Grande parte das vezes. Mas nem sempre.

Nada como as coisas simples.  

 

(ah, o último dia de trabalho antes do Alive! será tãaaaaaaaao produtivo!)

publicado por Vita C às 10:07

04
Jul 10

Está demasiado calor.
Não me apetece remorder sobre as saudades que tenho das férias. Gosto de aproveitar os momentos na altura que fazem sentido, e os sentidos das coisas efémeras é, também ele, momentâneo.
Ainda assim, hoje o cheiro a maresia, a erva seca, a corpo e a cansaço, transportaram-me para bem longe. A rotina é a grande mãe de todos os males. A rotina e o desrespeito pela mesma. Há quem trate a rotina como uma segurança. A mim parece-me um erro algo crasso. Rotina é a mecanização da lembrança e da memória. Segurança é precisamente o inverso, é sermos capaz de recapitular com traços de memória aquilo que nos é importante.
Está demasiado calor.

Perto da Fonte de Belém a água batida pelo vento soube a noite de Julho, como já fazia falta. Na memória acendem-se imagens de outros tempos e agora a vontade persiste. O Verão chega e as férias impregnam-se na memória. Da ausência de horários a qualquer hora do dia ou da noite, das pessoas, dos cheiros, das despreocupações. Haverá mais.
Mas está demasiado calor para a espera. E parece que amanhã é dia de trabalho...

 

publicado por Vita C às 22:44
Etiquetas:

03
Jul 10

 

 

 

 

Está quase. E esteve para não ser. Os bilhetes para dia 10 de Julho esgotaram, bem como os passes de 3 dias. Mas a esperança e a internet deram uma ajudinha.
Quando os bilhetes esgotaram, enviei e-mail para quase todos os contactos que tinha, o que implica que enviei para colegas que não via desde que acabei o curso, para gente do teatro, para os amigos de sempre, para muita gente. E alguma dessa muita gente fez o favor de reencaminhar. E assim sucessivamente, até que ontem fui buscar o bilhete que alguém me arranjou. É um passe de 3 dias, mas é muito mais do que isso. Para quem já viu, sabe que é isso mesmo, hard to imagine.
Dias 8 e 9 estarei feliz. Dia 10, serei, mais uma vez, uma no meio de muitos "jammers". Não podia ser de outra maneira...

publicado por Vita C às 19:26
Etiquetas:

Julho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
15
16
17

19
22
23
24

27
29
30


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

31 seguidores

pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
Visitantes
Por aqui
online
blogs SAPO